quinta-feira, 22 de março de 2012

100.000 DOLARES PARA RINGO


(Centomila dollari per Ringo / 100.000 Dollari per Ringo / $100.000 for Ringo / One Hundred Thousand Dollars for Ringo / Sangre sobre Texas)
Italia, 1965  110 min
Direção: Alberto De Martino
Musica:Bruno Nicolai
Com: Richard Harrison, Fernando Sancho, Luis Induni, Loris Loddi, John Barracuda(Massimo Serato), Eleonora Bianchi, Lee Burton(Guido Lollobrigida), Aurora Julia(Mónica Randall), Paco Sanz(Francisco Sanz), Gérard Tichy, Michel Montfort, Tomás Torres, Frank Oliveras,
-Na  trilha a canção  "Ringo come to fight", cantada por Bobby Solo.
-Apresentação original nos cinemas pela Condor Filmes, em Technicolor /Techniscope
-Foi lançada uma fotoquadrinização  na revista Ringo Nº 5(1971, Rio Gráfica Editora) com o titulo  RINGO VIVO OU MORTO.
-Foi lançado em DVD pela Ocean* e USA Filmes,  com o mesmo titulo de cinema.
-Estranho chega à cidade onde é confundido com um ex-cidadão  aparentemente morto durante a guerra civil. Seu filho -criado pelos índios- também acredita que ele seja, na verdade, seu pai. As coisas começam a se complicar quando ele descobre que o chefão da cidade tem usado os índios com propósitos nada nobres.
-O Diretor Alfonso Balcazar(1926-1993)  aparece como um dos co-roteiristas do filme. Ele foi o diretor de westerns como O Homem da Pistola de Ouro e Redenção de um bandoleiro, entre outros. Como diretor de segunda unidade, aparece também, Enzo G. Castellari, que seria o diretor de grandes westerns como Vou, mato e volto e Keoma.
------------------------------------------------------------------------------------------
*O DVD lançado pela Ocean não tem muito boa qualidade de imagem e sacrifica todo o widescreen das telas de cinema.

quarta-feira, 21 de março de 2012

GRINGO, REZE PARA MORRER


(Straniero, fatti Il segno della Croce / Stranger, Say Your Prayers!)
Italia, 1967 98min
Direção:Miles Deem(Demófilo Fidani)
Musica: Marcello Gigante
Com: Charles Southwood, Jeff Cameron, Christina Penz,  Max Dean,  Ettori Manni, Simone Blondell(Simonetta Vitelli), Fabio Testi, Dino Strano, Massimo Righi,  Antony Stevens(Calisto Calisti ), Mel Gaines, Aristide Massaccesi(Joe D'Amato) ,William Reed, Ivan Scratuglia, Emanuele Gonzales, Ruggero Salvadori
-Apresentação original em Eastmancolor/Widescreen, pela Condor Filmes.
-Caçador de recompensas vai atrás de quadrilha, que tem vários homens procurados, que valem bom dinheiro.
-Lançado em VHS, pela Reserva  Especial, com o titulo FORASTEIRO...FAÇA O SINAL
DA CRUZ!. Em DVD saiu pela Ocean, com o titulo. ESTRANGEIRO, FAÇA O SINAL DA CRUZ. Exibido na TV, com a duração reduzida para 86 minutos, com o titulo GRINGO, REZA PARA MORRER.
-O titulo em inglês -Stranger, say your prayers- aparece também no filme E agora, faça as pazes com Deus/1968; Provavelmente, confusão dos distribuidores americanos, entre esses dois filmes, feitos na mesma época, com a mesma equipe de atores, diretor e técnicos.
-Como em vários outros filmes dirigidos por Fidani(aqui, assinando Miles Deem), o
assistente de direção foi o futuro  diretor cult, Joe D'Amato(1936-1999).

SABATA VEM PARA VINGAR


(È tornato Sabata...hai chiuso un'altra volta  / Return of Sabata / Il ritorno Sabata /The Return of Sabata)
Italia/França/Alemanha, 1971 105min
Direção:Frank Kramer(Gianfranco Parolini)
Musica:Marcello Giombini   
Com: Lee Van Cleef, Pedro Sanchez(Ignazio Spalla), Annabella Incontrera, Vassili Karis, Steffen Zacharias, Maria Pia Giancaro, Franco Fantasia , Jean Louis, Gianni Rizzo, Luciano Rossi, Federico Boido, Pietro Torrisi, Giovanni Cianfriglia, Alberto Dell'Acqua, Reiner Schöne, Carmelo Reale,  Giampiero Albertini, Jacqueline Alexandre, Nick Jordan(Aldo Canti), John Bartha, Günther Stoll, Ilenna Rigano(Ileana Rigano), Fortunato Arena, Bruno Arié, Attilio Dottesio,
-Sabata reencontra um antigo conhecido que lhe deve muito dinheiro e, ao decidir ficar na pequena cidade para cobrar a divida se envolve na luta contra os corruptos governantes locais.
-Distribuido originalmente nos cinemas, pela United Artists, em Technicolor/ Techniscope.
-Terceiro e último filme oficial da saga do pistoleiro Sabata. Com o papel de Sabata, voltando a Lee Van Cleef, visto que ele havia vivido o personagem em Sabata-O Homem que veio para matar/1969. Yul Brynner, foi quem viveu o personagem em Sabata, Adeus”/1971, o segundo filme da série.
-Lançado num Pack, chamado Coleção Sabata(Fox/MGM*), com o titulo O RETORNO DE SABATA.  Saiu também pela Wonder Multimidia (Continental), com o mesmo titulo. Exibido na TV paga, com o titulo A VOLTA DE SABATA.
-Em 2010, foi exibido na Mostra Faroeste Spaghetti-O Bangue Bangue a Italiana, com
o titulo O RETORNO DE SABATA.
-----------------------------------------------------------------------------------
*O DVD lançado pela Fox/MGM, não tem dublagem, só legendas, mas tem ótima qualidade e preservação  total do tamanho original da tela. Foi também vendido individualmente e não só no pack. Muito bom!

terça-feira, 20 de março de 2012

NA MIRA DO COLT...PAGA OU MORRE

(Arriva Durango, paga o muori/Durango Is Coming, Pay or Die/Durango, paga o muori)
Italia, 1971 100 min
Direção:Roberto Bianchi Montero
Musica: Lallo Gori(Coriolano Gori)
Com: Brad Harris, José Torres, Gisela Hahn, Andrea Scotti,  Ken Wood(Giovanni Cianfriglia), Gabriella Giorgelli, Erika Blanc, Ivan G. Scratuglia, Gino Lavagetto, Maretta Procaccini, Attilio Dottesio, José Jaspe, Gino Renni, Roberto Messina, Franco Pasquetto, Gis Cooper (Gisleno Procaccini),  Emilio Zago, Claudio Trionfi, Irio Fantini, Gino Turini, Fortunato Arena
-Distribuido nos  cinemas pela Famafilmes,  em Eastmancolor/Widescreen.
-Lançado em DVD pela Ocean Filmes, com o titulo DURANGO ESTÁ VINDO - PAGUE OU MORRA
-Este seria o segundo filme de uma trilogia planejada para ser estrelada por Brad Harris, que começou a carreira trabalhando em filmes épicos (Golias contra o gigante/1961, Ano 79-A Destruição de Hercolano/1962), onde ele interpretaria uma nova versão do personagem Sartana;  Mas os personagens acabaram sendo Sabata(Sabata-Vivo ou morto/1970), Durango(Na mira do colt...paga ou morre) e Django(Semeando a morte no Texas/1972).
-Pistoleiro que ganha a vida como um cobrador de dívidas chega a cidade de Tucson City, onde recusa a oferta de um figurão local para trabalhar como um de seus capangas. Acaba preso, acusado injustamente de roubo e assassinato; Ele, então,  não tem escolha, a não ser unir forças com fora-da-lei, que está preso na cela ao lado, e arranjar uma fuga. Em busca de vingança, ele monta um plano para acabar com aqueles que o puseram na cadeia.

sexta-feira, 9 de março de 2012

MARK DAMON

Ele nasceu como Alan Harris, no dia 22 de Abril de 1933, na cidade de Chicago, mas se tornou conhecido em todo o mundo como Mark Damon; Começou perambulando pela TV americana nos anos 50 e inicio dos anos 60. Participou também de produções menores e fez pequenas participações em alguns filmes. Até que foi para Itália em meados dos anos 60, fez alguns filmes por lá, até estrelar em 1966, “Dio come te amo”; Veiculo para a cantora Gigliola Cinquetti, o filme foi um sucesso enorme em todo mundo. Mas foi no nascente mercado dos westerns-spaguetti que o jovem ator achou seu nicho ideal. E ali se destacou não só como ator mas também como criador. Ele e o diretor Sergio Corbucci criaram o personagem Django, que seria encarnado por ele nas telas, mas que acabou nas mãos de Franco Nero.

Formado em literatura e negócios pela Universidade da California, ele se voltou com sucesso para a produção de filmes, fundando em 1977 a Producer Sales Organization e em 1987 a Vision International. Produziu grandes filmes, alguns deles com varias indicações para o “oscar”. Foi o caso de “O Barco-Inferno em alto mar”(1981), que obteve 6 indicações e “Monster-Desejo assassino”(2003), filme que deu o “oscar” de atriz a Charlize Theron. Mas, talvez seu maior sucesso tenha sido a fantasia “A História sem fim”(1984) que faturou 100 milhões de dólares em todo o mundo e gerou duas continuações. Com certeza,  por isso mesmo o titulo de sua já escrita autobiografia faça referencia direta a esse filme: “From Cowboy to Mogul to Monster: The Neverending Story of Film Pioneer Mark Damon”, foi escrita por ele mesmo e por Linda Schreyer.

Canhoto e com cara de bom moço tipicamente americano, ele personificou um pistoleiro mais “clean” do que os eventualmente mostrados nos “spaguetti-westerns”; Pode ser esta a razão que ele tenha se declinado de encarnar Django. Mas seus filmes estão entre os melhores do gênero e por isso ganhou fãs em todo o mundo. Veja os westerns em que participou(click no o nome do filme para ver a ficha).


1966-JOHNNY YUMA/Johnny Yuma

1967-REQUIÉM PARA MATAR/Requiscant

1968-A MORTE NÃO CONTA OS DOLÁRES/La morte non conta i dollari

1968-UM TREM PARA DURANGO/Un treno per Durango

1968-A OUTRA FACE DA CORAGEM/Tutto per tutto

1968-DEUS COMO PAI E O DIABO POR SÓCIO/¿Quién grita venganza?

1974-SLIM É O MEU NOME/Posate le pistole, reverendo

1972-OS 4 MAGNIFICOS PISTOLEIROS/Lo chiamavano Verità

1972-MATO TODOS E SALVO A MINHA PELE/Monta in sella, figlio di...!

-------------------------------------------------------------------------------------------
Esta postagem é uma homenagem as minhas irmãs, que eram fãs do Mark Damon... Talvez elas nem se lembrem disso!